More

    Anitta aposta no pop punk ao lançar ‘Boys Don’t Cry’


    Após sucessos como Faking Love, Anitta resgatou o estilo emo e contou em coletiva como criou a letra de Boys Don’t Cry

    A cantora Anitta mostrou mais uma vez que, além do funk, ela domina outros estilos musicais. Após apostar na bossa-nova, com Girl From Rio, no reggaeton, com Me Gusta, e no single Faking Love, a brasileira apostou no pop punk norte-americano em seu novo single, Boys Don’t Cry, lançado nesta quinta-feira, 27/01.

    Diferente de seus últimos clipes, Anitta deixou de lado as coreografias e ousou na atuação. Isso porque no clipe, que tem uma pegada anos 80 e 90, ela foge de zumbis, que conforme a letra da canção e o relato dado pela cantora em coletiva com a impressa, se remetem aos ex-namorados que voltam atrás dela.

    Assim, em relação à letra da canção, ela explicou: “Sempre que estou no estúdio, falo de algum assunto que esteja rolando na minha vida. E tinha alguns ex me enchendo, querendo voltar. E eu quis falar disso, que eles não aguentam quando a gente não é dependente, quando uma mulher é dona de si ou tem muita atitude”.

    Ainda mais, apostando no mercado brasileiro e americano, Anitta pretende divulgar Boys Don’t Cry de uma forma inusitada, assim como o clipe. Em cidades estratégicas no Brasil e também em Miami, salas de Scape Room – com temáticas imersivas, com enigmas e desafios – poderão ser visitadas. Os locais e horários serão divulgados pela equipe da cantora.

    Além disso, vale ressaltar que na próxima semana ela irá se apresentar em um dos maiores programas dos Estados Unidos, o The Tonight Show com Jimmy Fallon, onde ela irá cantar com exclusividade o novo single. Assim, sobre a performance, ela revelou: “Não vai ter coreografia, porque é um rock. Vou entregar look, beleza e voz”.

    Sucesso e carreira internacional

    Por fim, Anitta também refletiu sobre a carreira, destacando que atualmente vê o sucesso de uma forma diferente de quando estava no início da carreira. “Mudei muito meu conceito de sucesso, antes eu pensava que era o maior número. Aí eu precisei ser a maior para chegar a conclusão de que o sucesso é estar feliz com as coisas que você está fazendo”, destacou.

    Aliás, falando em sucesso, a brasileira tem sido destaques na imprensa internacional e ela comentou sobre como se sente com esse reconhecimento. “Fico muito feliz, tento fazer jus ao título, mas peço aos brasileiros que entendam que é um processo que demora e que não fiquem me pressionando para que as coisas sejam rápidas, pois já está muito rápido. E tem gente que nasceu aqui, viveu aqui e tenta por anos e só chega depois de 12 anos de tentativa”, assim finalizou.

    ++ Anitta e Pedro Sampaio lançam ‘No Chão Novinha’: “Funk Global”



    Últimas