More

    BBB 22: Arthur e Rodrigo discutem no Jogo da Discórdia


    Rodrigo e Arthur Aguiar se estranham no Jogo da Discórdia por causa da classificação de ‘não confiável’ durante a dinâmica

    Rodrigo e Arthur Aguiar se alfinetaram durante o Jogo da Discórdia desta segunda-feira, 31/01, no BBB 22, da Globo. Com a dinâmica para classificarem uns aos outros com adjetivos negativos, eles se chamaram de ‘não confiáveis’ e discutiram por causa das justificativas.

    Na sua vez de classificar os brothers, Rodrigo colocou Arthur como não confiável e chegou a dizer que ele não foi um bom ator na convivência com ele. “Quando ele chegou aqui, eu fui o primeiro, talvez, que fiquei feliz com a imunidade dele, falei que ele seria bem aceito aqui na casa. E do nada ele mudou comigo, mas eu entendi que ele tentou me pintar como o vilão, sutilmente, do jeito dele. Eu entendo que lá fora ele pode ser um bom ator, mas aqui ele foi um péssimo ator. Eu peguei ele logo de cara desviando de mim e não quis conversar comigo porque estava desviando de mim. Talvez ele não concorde com o meu jogo, mas não coloca os meus valores sem falar comigo. Acho que não tem certo ou errado, mas o Brasil viu como ele desviava de mim e todas as vezes sem falar comigo. Ele não é confiável”, disse ele.

    ++ Equipe de Bárbara, do BBB 22, rebate críticas à alimentação da sister

    Na sequência, Arthur também colocou Rodrigo como não confiável e relembrou de episódios deles no jogo. “Quando eu cheguei, você estava ali com a cara de enterro, achando que ia para o paredão, e eu fui um das poucas pessoas que chegou para você e falei assim: ‘ainda não tive nenhum tipo de relação com você, mas o meu voto você não vai ter’. Eu sabia que você estava com medo de ir e me falou que a única coisa que queria era não ir no paredão na primeira vez e eu falei, beleza, eu não votei em você. Você estava imunizado, mas eu não votaria em você. Eu tentei conversar com você algumas vezes, inclusive aqui, onde estava Lucas, PA, e você estava falando sobre o que eles deveriam ou não fazer. Não tem problema você jogar, você pode jogar da maneira que você quiser. O que não pode, na minha opinião, é você impor o que você quer que os outros façam”, contou.

    Por fim, ele alfinetou o jogo do rival. “Quando alguém fala algo que você não concorda, essa pessoa vira seu inimigo. Você levantou e saiu. Nunca quis nem continuar debatendo. Você quer jogar, mas as pessoas tem que jogar da sua maneira, do seu jogo. Se não for do seu jeito, não funciona”, afirmou. Quando Arthur parou de falar, Rodrigo até revirou os olhos.

    ++ BBB 22: Rodrigo lamenta perseguição: ‘Todo mundo se uniu contra mim’

    Últimas