Resumo dos capítulos

Carrossel – Resumo dos capítulos de 04 a 08/03/2019

carrossel helena e rene casamentoNo capitulo da sexta 08/03, as crianças ajudam Renê
a preparar o casamento surpresa para ele e Helena

Capítulo 148 – Segunda 04/03
Os garotos acham as meninas muito chatas. Marcelina escuta e não concorda com os amigos. Alícia conversa com o dono da sorveteria que costumam frequentar, mas o homem diz que não conhece a antiga sorveteria. As meninas se desanimam e pensam que não conseguirão mais pistas. Valéria continua lendo o diário. As meninas descobrem que Lola (Mharessa Fernanda) recebeu uma carta de seu pai com a notícia de que estava tudo bem e que eles estavam ganhando a guerra. Firmino encontra com as garotas e diz que está sentindo falta de todos os alunos. As meninas o convidam para conversar e tomar um chá. Na casa do porteiro, Laura deixa escapar sobre a história de Lola. As amigas contam a Firmino sobre o diário que acharam e mostram o objeto e o cartão da sorveteria ao porteiro. Firmino, ao olhar o cartão, diz que conhecia essa sorveteria e que foi lá quando era mais jovem. Valéria, Alícia e Maria Joaquina vão à casa de Jaime e pedem ajuda ao amigo. As garotas contam ao garoto que a mecânica de seu pai era uma sorveteria no passado. Rafael confirma a história e diz que o antigo dono do imóvel deixou um baú cheio de coisas guardadas. As amigas ficam felizes e pedem para ver o objeto, assim poderão procurar pistas no baú. Alícia encontra uma caixa que tem cravado na madeira o nome de Lola. Maria Joaquina abre o objeto e encontra um kipá e desconfiam que a garota fosse judia. Dentro da caixa as meninas também encontram uma foto e uma carta que diz: “Sr. Antônio da sorveteira, confio muito no senhor como amigo, por isso peço que esconda essa caixinha num lugar bem seguro. São coisas importantes de uma família que está hospedada na minha casa. Eles chegaram da Europa e estão muito assustados, lá estão acontecendo coisas terríveis. Eles não querem que ninguém saiba que estão aqui e muito menos que são judeus. Por favor, me ajude a guardar este segredo e as lembranças desta família. Assinado, Lola”. Valéria conta para as amigas que um dia Davi lhe contou que nesta época os judeus foram muito perseguidos. As garotas decidem voltar à casa abandonada para procurar mais pistas. Elas abrem a passagem secreta e descobrem debaixo de uma cama um desenho com o nome da família que ficou abrigada na casa de Lola. Maria Joaquina quer achar mais respostas e volta a ler o diário. Certo dia Lola escreveu que um soldado havia aparecido em sua casa com a notícia de que seu pai estava muito ferido e que logo seria enviado de volta. As garotas conversam e ficam chateadas por Lola. De repente, Paulo chega na casa abandonada e pergunta o que elas estão fazendo ali. As garotas dizem que estão em um encontro de meninas. O encrenqueiro avisa que ficará de olho e vai embora.

Capítulo 149 – Terça 05/03
No dia seguinte, Valéria fica tentando decifrar as páginas do diário e descobre que Lola estudou em um colégio chamado Nossa Senhora das Dores. A garota foi correndo contar a novidade para Laura, Alícia e Maria Joaquina. Paulo e Jaime vão à casa de Davi e forçam o garoto a contar o que as meninas foram fazer lá. Mas o namorado de Valéria diz que elas não revelaram o assunto.  As meninas decidem descobrir onde fica o colégio que Lola estudou e Valéria lembra que Helena teve uma bisavó que foi professora e que pode ajudar. As amigas vão à casa de Helena e contam toda a história. Paulo e Jaime descobrem onde as meninas estão e tentam espioná-las. Helena fica surpresa com a descoberta de suas alunas, diz que aquele diário é algo muito valioso e mostra o caderno para Cristina (Cris Bonna). Valéria conta a Helena e Cristina sobre o nome do colégio onde Lola estudou. Cristina fica surpresa ao escutar o nome da escola e revela as meninas que Lola foi aluna de sua avó.  A mãe da professora Helena mostra à foto da garota as meninas. Cristina lembra que Lola tinha uma história muito triste, mas que não sabe o que aconteceu com ela e sua família. Lola termina a carta dizendo que seu pai havia voltado da guerra bem e feliz. As meninas ficam felizes pelo final que teve a história de Lola. Após conhecerem a história de Lola, as garotas voltam para suas casas felizes por terem uma família e reconhecem o quanto seus pais são valiosos. No dia seguinte, todas as crianças se reúnem na casa abandonada. As meninas contam a história de Lola para os garotos. Helena convida o seus alunos para uma visita em sua casa e diz que prepara uma surpresa. As crianças chegam ansiosas na casa da professora. A caminho da casa de Helena, Firmino e Graça encontram Renê. O professor diz que precisa resolver alguns problemas e que aparecerá mais tarde na casa da namorada. Helena revela aos alunos que fez um anuário para a turma do terceiro ano. As crianças ficam felizes ao ver as fotos e adoram a surpresa. Firmino, Graça, os alunos e Helena relembram diversos momentos que passaram juntos. Todos elogiam o amor de Helena e Renê. A professora fica tímida. Renê chega à casa de Helena com um buquê de flores, as crianças se animam e pedem um beijo entre os professores. Olívia chama Firmino e Graça na diretoria para uma conversa. Os funcionários ficam com receio do que a diretora irá falar. Paulo não admite estar apaixonado, mas Kokimoto garante que o sintoma é de paixão. O encrenqueiro diz não saber por quem está apaixonado e o samurai tem a ideia de fazer um teste técnico.

Capítulo 150 – Quarta 06/03
Na casa abandona, Paulo e Kokimoto conversam. No mesmo momento chegam às amigas Alícia, Bibi e Carmen. Alícia é grossa com Paulo, que não revida a ofensa. Jaime espiona Olívia e vê uma velhinha e um rapaz vestido de branco saírem da casa da diretora. Olívia leva a senhora para passear. Paulo concorda com Marcelina e acredita que não tenha sido enfeitiçado. O garoto admite estar apaixonado. Kokimoto fala ao amigo que ele foi mordido pelo bichinho do amor, mas que existe um jeito infalível de afastar as mulheres. Olívia leva sua mãe, Amélia (Amélia Bittencourt), para passear no parque. A senhora briga com a diretora no meio da rua e não se lembra de que Olívia é sua filha. Jaime observa a cena e acredita que a velhinha seja uma aluna em suspensão que Olívia prendeu em sua casa. Jaime vai até a casa da Maria Joaquina para contar o que descobriu. A patricinha se irrita, pois Jaime não entende o que está acontecendo. Maria Joaquina explica ao amigo que a velhinha pode ser a mãe de Olívia, que está com Alzheimer. Kokimoto cola pelos no corpo de Paulo e diz que as mulheres odeiam homens com muitos pelos. O samurai ainda pede ao amigo fazer 50 polichinelos para ficar bem suado. Kokimoto também serve para Paulo um prato com cebolas, alhos, feijão e repolho. Jaime vai à escola com Maria Joaquina e conta para Firmino e Graça o que descobriu sobre Olívia. O porteiro fica preocupado com a situação e a faxineira fica chateada por ter xingado Olívia algumas vezes. Maria Joaquina diz que eles precisam pensar em uma forma de ajudar a diretora. Na sorveteria, Bibi, Alícia e Carmen conversam e tomam sorvete, quando sentem um cheiro ruim no ar. Paulo entra no local e pergunta a Alícia o que ela acha dele. A garota diz que no estado que ele está, o acha fedido. O encrenqueiro e Kokimoto comemoram o fato de Alícia não gostar de Paulo. No mesmo momento o garoto fica triste, pois ele sente que ainda gosta da amiga. Em sua casa, Paulo sonha com Alícia e acorda irritado por não pensar em outra coisa. Kokimoto chega à casa do amigo e diz que ele precisa tirar esse sentimento do coração. Jaime e Maria Joaquina vão até a casa de Helena e contam o que descobriram sobre Olívia e sua mãe, a professora fica preocupada. A patricinha diz que quer ajudar Olívia. Helena revela que sabe exatamente o que fazer. Graça e Firmino se preparam para um passeio. Paulo quer colocar um ponto final em sua paixão e decide conversar com Alícia. Kokimoto tenta impedir o amigo, mas não consegue. Na casa abandonada, Bibi e Alícia conversam e Paulo chega e pede para falar com Alícia, mas acabado dizendo que não gosta da amiga. A garota fica sem entender, mas Paulo fica feliz em conseguir dizer isso. Davi espiona Olívia. A diretora sai para mais um dia de passeio com dona Amélia. O garoto avisa Valéria que Olívia saiu de casa. Na praça, todos se reúnem para um piquenique e esperam a diretora e sua mãe para a grande surpresa. Ao chegar no local, Olívia se espanta e estranha ao ver todos os alunos e funcionários da Escola Mundial. Helena conta para Olívia o que descobriram. As crianças dizem para a diretora que ela pode contar com cada um deles e que todos são seus amigos. Olívia se emociona com a demonstração de carinho e agradece a todos pelo momento.

Capítulo 151 – Quinta 07/03
Todos aproveitam o piquenique e brindam. Dona Amélia chama de netos os alunos de Helena. A diretora elogia a professora pelo comportamento das crianças e diz que só ela consegue acalmá-los. Olívia marca uma reunião com Helena na escola, para o dia seguinte. Amélia pede um copo de água, Helena se vira para pedir a Renê, mas não encontro o namorado. Ao ir procurá-lo, a professora escuta uma conversa do professor, que termina a ligação dizendo querida. Ao perguntar quem era, Renê diz a Helena que era um amigo. A professora desconfia da atitude do professor. Rosa tem a ideia de combinar com todas as mães dos alunos para fazerem uma cesta de doces para dar para Olívia. Valéria adora a ideia. No dia seguinte, Clara conversa com Maria Joaquina sobre a iniciativa que a mãe de Valéria teve. A mãe da patricinha fala à filha que as duas meninas entregaram a cesta juntas. Valéria e Maria Joaquina não gostam da ideia. Cristina percebe que Helena está estranha e pergunta o que aconteceu. A filha diz sobre o telefonema que Renê recebeu e sua mãe a tranquiliza. Olívia chega à escola animada, feliz e com uma nova roupa toda colorida. Ao falar com Graça e Firmino, a diretora é gentil e seus funcionários se espantam com tanta delicadeza. O porteiro vai à diretoria e Olívia agradece a dedicação de Firmino por todos os anos de trabalho e pede desculpas por, às vezes, ter sido tão dura. O funcionário fica feliz e agradecido ao ouvir todos os elogios. Helena fica triste com Renê por ele ter desmarcado o encontro que teriam. Ao olhar pela janela, a professora se surpreende. Cirilo e Davi encontram Renê na praça e o convidam para jogar bola. O professor diz para os meninos que terá um compromisso e que eles podem ajudá-lo. Helena recebe em sua casa diversos vasos de flores e Cristina fica surpresa. Renê envia uma carta que diz: “Helena, te mandei todas essas margaridas caso você tenha alguma dúvida do meu amor. Faça mal me quer e bem me quer com todas as pétalas, a última será bem me quer. Mas eu gosto de você e não quero torturá-la com essa chatice, além do que eu tenho certeza que você iria se perder na ordem. Então, encontre comigo às quatro horas, na estação do trem. Eu vou tirar sua dúvida de uma vez por todas”. Helena diz à mãe que uma vez comentou com Renê sobre sua vontade de andar no trem Maria Fumaça. Cristina desconfia que o namorado de sua filha vá fazer uma surpresa muito especial. Renê vai à casa de Firmino. O porteiro conta sobre os elogios que Olívia fez para ele. O professor conta a Firmino que fará uma viagem de trem com Helena e que precisa da ajuda do amigo para a surpresa. Firmino se dispõe a ajudá-lo. Ansiosa, Valéria espera Maria Joaquina para irem juntar entregar a cesta para Olívia. A patricinha se atrasa e as duas amigas se desentendem, mas Rosa não permite que as garotas briguem. Cirilo, Davi e Firmino vão com Renê até uma loja de roupas. Os três amigos ajudam o professor a escolher a roupa ideal. Helena se prepara para ir ao encontro de Renê, mas antes passará na escola para a reunião com Olívia. A mãe de Helena acredita que o genro pedirá a mão de Helena em casamento.

Capítulo 152 – Sexta 08/03
Valéria acredita que Suzana tenha trancado Helena na sala dos professores. Graça vê Helena sentada e chorando na praça. A professora explica o que viu e todos ficam irritados com Renê e Suzana. Triste, Renê chega ao colégio e conta a Firmino o que aconteceu. O porteiro tenta acalmá-lo, mas Renê acha que não terá volta. Firmino fica furioso e diz a Renê para ele não desistir. Cristina não acredita que Renê tenha culpa no que aconteceu e acha que a história está muito mal contada. Helena diz que não quer ver Renê por um bom tempo. Firmino conta a Olívia o que aconteceu com Helena e Renê. Furioso, Renê vai à casa de Suzana e pede para conversar com a megera. Irritado, o professor jura que se a professora continuar perseguindo ele e Helena, a denunciará. O namorado de Helena vai até a casa de Helena, mas Valéria impede que ele entre e bate a porta na sua cara. Cristina aconselha Helena a não ver Renê nesse momento. A professora decide ir atrás de seu namorado, pois quer saber o que ele tem a dizer. Helena encontra Renê na praça e diz que está disposta a ouvir as explicações do amado. Olívia fica preocupada com a situação do relacionamento entre Renê e Helena e pede para Firmino ajudar os dois de alguma maneira. Renê explica o motivo de ter planejado tudo e mostra as passagens que havia comprado para os dois viajarem de trem. O professor jura que Suzana o pegou de surpresa e que ele não queria aquele beijo. Renê fala a Helena que todo o amor que sente é dela. O casal se beija. Valéria conta a todos que viu os professores se beijando. Helena diz que está magoada. O professor diz que a história deles não pode acabar por causa de Suzana. Helena diz a Renê que precisa pensar. Ao voltar para a sua casa, Helena diz a todos que eles deram um tempo. Firmino encontra Renê na praça. O professor diz que Helena entendeu o que aconteceu, mas não o perdoou. No dia seguinte, Davi conta a Jaime a história da noite anterior. Irritada, Valéria acredita que Renê seja culpado por tudo o que aconteceu. Triste, Helena confessa a Cristina que não sabe se fez a escolha certa. Sua mãe conta que as histórias de amor não são perfeitas e quando o amor é verdadeiro, ele passa por cima de todos os obstáculos. Cirilo tenta acalmar Valéria. O garoto faz a espoleta menina entender que Helena e Renê só ficarão felizes juntos. Cirilo dá a ideia de eles escutarem a versão do professor. Os amigos encontram Renê na sorveteria. As crianças estão dispostas a ajudar o professor a reconquistar Helena e contam o plano que tiveram a ele. Em sua casa, Helena não para de pensar em Renê. Adriano visita sua professora e diz que não gosta de vê-la triste, Helena promete que tudo ficará bem. Renê adora a ideia das crianças e todos decidem colocar o plano em prática. As crianças ajudam Renê a se reconciliar com Helena e a preparar o casamento surpresa.  Renê pede Helena em casamento. As crianças comemoram quando a professora diz sim e a cerimônia é marcada pela emoção. Depois Renê e Helena partem de Maria fumaça para a lua de mel.

Anúncios
Resumo dos capítulos

Carrossel – Resumo dos capítulos de 14 a 18/012019

carrossel img-492118-professora-helena-rosanne-mulholland-e-rene-gustavo-wabner-t20130313111363183923No capítulo da sexta 18/01,  depois de discutirem, Helena e Renê se beijam na chuva

Capítulo 113 – Segunda 14/01
Melissa conta a Valéria que recebeu flores de Jaime, mas ele saiu correndo. Miguel pergunta a Jaime porque ele decidiu emagrecer de repente. Melissa aconselha Laura a fazer dieta para arrumar um namorado. Paulo e Mário fazem de Marcelina e Cirilo modelos para um “ensaio fashion”. Renê chega com o treinador Pedro Villas à escola e o apresenta a Olívia e Helena. Graça e Valéria estranham o comportamento de Jaime, ele está impecavelmente vestido. Paulo e Mário entregam a Cirilo as fotos que ele tirou com Marcelina. Mais tarde, na sala de aula, Helena apresenta um grande ex- jogador que irá treinar as crianças para o campeonato interescolar de futebol, se trata do Pedro Villas (Fábio Villa Verde), conhecido como ´Furacão´. Jaime chama seu pai para conversar. O menino pede adiantamento do dinheiro que sempre recebe em seu aniversário. Durante o intervalo, Cirilo entra silenciosamente na sala de aula, vê que Jaime não saiu para o pátio e que desenhou um coração em seu caderno com os dizeres ´Melissa e Jaime´. Rafael conversa na sala dos professores com Helena. Jaime acaba revelando tudo para Helena após uma conversa. Mais tarde, a professora conta para Rafael que Jaime está apaixonado. As meninas descobrem que Paulo fez uma página falsa na revista e decidem fazer uma sessão de fotos para mostrar para ele como é que se fazem fotos de um desfile. Para isso elas usam roupas e maquiagem da prima de Valéria, Melissa. Rafael conta para Eloisa que Jaime está apaixonado por uma menina mais velha, de 14 anos. Mais uma vez, Helena chama Mário e Paulo para conversar e chama a atenção deles por convencerem Jaime a presentear uma menina com uma galinha. Helena diz que os meninos devem desfazer a brincadeira maldosa ou serão punidos. Mais tarde, Mário e Paulo vão até a casa de Jaime e insistem na história da galinha. Os dois sugerem que Jaime pegue uma das galinhas da casa de Cirilo ao anoitecer e que deixe uma promissória prometendo pagamento. Enquanto isso, Melissa aceita namorar Ricardinho. Jaime está preocupado em magoar Cirilo e também cometer um roubo, mas Mário e Paulo garantem que é tudo correto. Melissa e Ricardinho estão juntos na porta do apartamento de Valéria e uma mulher passa de bicicleta. Ricardo não resiste e olha para a garota deixando Melissa irritada. Os dois sobem para o apartamento. Melissa devolve as flores do rapaz e diz que pode ir atrás dela. O rapaz diz que olhou para ela, pois não gostou da roupa que ela estava usando. Melissa acredita e perdoa o rapaz. Assim que Ricardinho sai do apartamento, ele vai direto puxar assunto com a garota da bicicleta. Os meninos saem escondido durante a noite e vão até a casa de Cirilo para pegar uma de suas galinhas preferidas.

Capítulo 114 – Terça 15/01
Os Rivera escutam o barulho no galinheiro e vão ver o que está acontecendo. Cirilo fica chateado que sua galinha foi roubada. Jaime entrega a galinha para Melissa, que sorri e pede para o garoto entrar. Mário e Paulo, que estavam espiando e torcendo para o amigo passar vergonha, ficam surpresos com a atitude da garota. A menina diz que foi o presente mais original que já ganhou e que adorou. No outro dia, Valéria conta para as meninas que Jaime deu uma galinha de presente para sua prima e que ela adorou. Cirilo conta para Maria Joaquina que sua galinha está desaparecida. A patricinha une as informações e conclui que só pode ter sido o Jaime. Maria Joaquina diz para Jaime que sabe que foi ele quem pegou a galinha e que se não devolver, ela terá que contar a verdade. Helena entra na sala e pede para Maria Joaquina sair. A professora chama a atenção do Jaime, diz que já descobriu tudo. Helena pede para Jaime pegar a galinha com Melissa para devolver para Cirilo. A professora ainda diz que a carta tem o símbolo da escola e que caiu na mão da diretora Olívia que, aliás, está muito desconfiada dele. Helena afirma a Jaime que ele tem que pegar a galinha que deu de presente a Melissa de volta e entregar ao dono. A professora afirma que o pai de Cirilo quer descobrir quem é o ladrão. Ricardinho, namorado de Melissa, vai até a casa de Jaime para tirar satisfações, mas não encontra o garoto, então, conversa com Rafael. Helena e Jaime vão até a casa de Valéria pegar a galinha Doroteia de volta. Pedro Villas treina os alunos da Escola Mundial para o campeonato de futebol. Suzana manipula Jorge, diz para ele se aproximar de Helena, assim descobrirá os erros que ela comete. Helena comenta com Jaime que soube que ele brigou com o namorado da prima de Valéria. Durante o treino, Paulo conta a Cirilo que Mário chutou sua bola para fora da escola, caiu na casa vizinha. Mário afirma a Renê que não poderá participar da aula de música. O garoto pula o muro da Escola Mundial e procura a bola de Cirilo no quintal de uma casa. Mário conhece Clementina, um menina, moradora da casa. Clementina conta a Mário que mora com suas duas tias avós. Mário comenta que as tias da menina parecem bruxas. As tias de Clementina chegam ao quintal, Mário se esconde rapidamente. Mário não consegue recuperar a bola. Olívia flagra Mário descendo as escadas do primeiro andar da Escola Mundial. Ela pergunta ao garoto o que ele estava fazendo, pois ninguém pode ir àquele andar.  Helena pergunta a Firmino sobre Clementina, a menina que mora na casa ao lado da escola. A professora diz que quer ver a menina na escola em breve. Ela pergunta às tias da garota se ela está frequentando a escola. As tias afirmam que ensinam tudo o que Clementina precisa saber. Indignada, Helena questiona sobre o tempo que Clementina não sai às ruas. Cirilo sobe no muro da casa de Clementina e a observa dançando balé. Cirilo conta a Daniel que tentou conversar com Clementina. Às escondidas, Valéria ouve os dois garotos.

Capítulo 115 – Quarta 16/01
Os garotos se reúnem para planejar algo para ajudar Clementina. Jaime afirma que a operação especial tem que acontecer quando as tias de Clementina estiverem na igreja. Valéria telefona para Davi e o pressiona a contar o que os meninos estavam tramando na hora do recreio, ela ameaça terminar o namoro. Davi revela que os meninos vão entrar na casa de Clementina quando as tias dela estiverem na igreja. Renê leva Helena a um baile de terceira idade onde ele toca às vezes. Os dois dançam e são aplaudidos. Daniel pula o muro da Escola Mundial e entrega flores a Clementina. A menina comenta que tem vontade de voltar para a escola. A cada dia Clementina recebe a visita de um garoto, que a distrai. Paulo faz números de mágica, Jorge faz experimentos científicos, Cirilo apresenta a galinha Doroteia a Clementina. Olívia flagra os garotos fora do horário de aula na escola. Valéria afirma aos meninos que quer se tornar sócia da Patrulha Salvadora. Ela ameaça contar à professora e à diretora que eles estão pulando o muro todas as tardes para brincar com Clementina. Os garotos aceitam as meninas como membros da Patrulha Salvadora. Tia Anita e Tia Ruth perguntam a Jaime por que todas às vezes que elas se aproximam do portão de casa, ele bate os pratos de bateria. Jaime inventa a desculpa de que está ensaiando para um festival, mas na verdade é um código. Helena comenta com Renê que as tias de Clementina são conservadoras ao extremo, não aceitam o novo. Cirilo conta a Clementina que as meninas também passarão a visitá-la. A menina fica feliz. Suzana manipula Jorge ao dizer que os colegas morrem de inveja dele por ele ser superior. Olívia flagra os garotos rastejando pelo pátio da escola. Os garotos falam que estão ali para fazer uma visita a Firmino. Olívia flagra Jaime batendo os pratos de bateria em frente à casa de Clementina. Jaime diz à diretora que está fazendo publicidade para o mercado, pois sua família precisa de dinheiro extra. Na sala de música, Suzana pergunta a Renê se ele e Helena estão namorando. Renê diz que não deve satisfações a Suzana. Helena pergunta a Jaime sobre o fato de ele fazer publicidade para o mercado, ela está preocupada com a situação financeira da família do garoto. Na sorveteria, Helena pesquisa na internet sobre cárcere privado. Helena pensa em denunciar as tias de Clementina. Ela fala a Renê que o caso de Clementina tem que ser denunciado à polícia. Renê pondera. Valéria, Carmen e Laura pulam o muro para brincar com Clementina. Ao tentar pular, Laura cai, mas não se machuca. Com sua queda, Laura derruba também a prateleira em que os alunos se apoiam para pular o muro. Mário e Daniel tentam arrumar a prateleira. As tias de Clementina chegam, os alunos pulam o muro rapidamente para a escola. Renê convida Helena para jantar. O professor faz uma surpresa a Helena, eles jantam ao ar livre, num parque. Helena pede para Renê tocar violão para ela. Daniel ajuda Clementina a escrever uma carta aos pais. Tia Ruth descobre um vaso quebrado e coloca a culpa em Clementina. Pedro Villas treina os alunos para o campeonato.

Capítulo 116 – Quinta 17/01
Valéria despista Firmino ao dizer que está com dor de barriga, Kokimoto faz o mesmo. Mário aconselha Clementina a escrever uma carta e deixar para as tias. Anita e Ruth chegam em casa e ficam perplexas ao ver a carta deixada por Clementina. Mário leva Clementina para a casa abandonada. Anita e Ruth decidem procurar professora Helena. Elas mostram a carta a Helena, que afirma que no lugar de Clementina também teria fugido. Anita e Ruth acusam Helena de ter ajudado na fuga de Clementina. Oscar, pai de Clementina, chega à casa das tias e recebe a notícia que a filha fugiu. Helena pergunta a Daniel se ele sabe sobre o paradeiro de Clementina. Oscar afirma às tias que elas podem ser presas por cárcere privado. Clementina diz a Mário, Koki e Valéria que tem medo de ficar na casa abandonada sozinha. Oscar comenta com Ruth e Anita que vai à delegacia. Mário pergunta a Clementina se faz tempo que ela não vê seus pais. Helena conta a Renê que Clementina desapareceu. Firmino revela a Helena que não sabe onde Clementina está, mas ajudou os garotos a pularem o muro para fazer companhia à menina. Oscar vai à delegacia e presta queixa contra o sumiço da filha. Na casa abandonada, Clementina reza para seus pais voltarem para perto dela. Olívia está extremamente nervosa, pois o delegado fará uma visita à escola. Rabito rouba comida de casa para levar a Clementina. Helena sente a falta de Mário na sala de aula e pergunta aos alunos. A professora conta à classe que Clementina está desaparecida. Olívia leva o delegado à sala de aula de Helena. O delegado mostra a foto de Clementina à turma e pergunta se alguém tem alguma informação sobre ela. Os alunos ficam tensos. Oscar brada às tias que assim que encontrar Clementina a levará embora para sempre. Jorge revela a Maria Joaquina que foi ao quintal de Clementina com os garotos. Maria Joaquina afirma ter certeza de que a Patrulha Salvadora está escondendo Clementina na casa abandonada. Maria Joaquina decide investigar a movimentação na casa abandonada e fotografa os colegas entrando. Na casa abandonada, os alunos cantam música para Clementina ficar alegre. Maria Joaquina telefona para Jorge e conta que viu os colegas entrando na casa, até fotografou. Na escola, Pedro Villas treina Alícia para o campeonato de futebol. Ele dá a notícia à menina que ela participará do time. Helena tem um admirador secreto, ele deixa um bilhete na mesa da professora. Durante brincadeira no pátio, Jaime acerta Graça com estilingue. Helena fica surpresa ao receber bilhete assinado por “Príncipe Misterioso”. Durante a aula, Helena pede para os alunos se levantarem, ela quer perguntar quem dos alunos é autor do bilhete, mas desiste. Helena está intrigada com os bilhetes anônimos que tem recebido. Clementina revela aos novos amigos que está triste e feliz ao mesmo tempo. Davi conta a Valéria que outra mulher entrou em sua vida. Ela diz ao menino que vai namorar o primeiro garoto que ver pela frente.

Capítulo 11 – Sexta 18/01
Helena fica incomodada com o terceiro bilhete e chama a atenção dos meninos para descobrir quem é o “Príncipe Misterioso”. Mais tarde, Helena entra empolgada na sala dos professores, entrega um bilhete para Renê e sai correndo. Jorge ordena que Mário e Paulo batam em Jaime, mas os dois abandonam Jorge e se colocam do lado de Jaime. Mais tarde, em sua casa, Helena fica surpresa com a confissão de Davi, que revela ser o “Príncipe Misterioso”. O menino diz que rompeu com Valéria porque está encantado pela professora. Valéria não perdoa e pega o primeiro menino que vê pela frente para dizer que é seu namorado. Renê fica chateado no jantar com a recusa de Helena, que justifica não saber se está preparada para um relacionamento. Ele diz que ela poderia ter sido clara desde o começo que não queria nada com ele. Chateado, ele sai do restaurante caminhando debaixo da chuva. Helena não pensa duas vezes, pega seu guarda-chuva e sai atrás do amado. Os dois estão juntos, no meio da rua, na chuva. Helena diz que não quis dizer que não quer nada com ele, mas, sim, que ela tem medo. Renê diz que ele tem convicção de seu amor e que ela tem medo de assumir até aquilo que sente. Ele tenta sair, ela segura ele pelo braço e diz: “não, você vai se molhar”. Os dois permanecem debaixo do guarda-chuva da professora. Finalmente, Renê a beija. Helena se entrega e solta o guarda-chuva. Enquanto isso, as tias da Clementina estão na delegacia. Elas acham que invadiram sua casa e que o pai da menina também desapareceu. Firmino vai até a casa de Helena contar tudo sobre Clementina e diz que ele está encrencado, pois diferente das crianças que são consideradas travessas, ele é adulto e o fato de ter colaborado com a Patrulha Salvadora pode ser compreendido de outra maneira. No outro dia, Suzana escuta Firmino e Renê conversando e descobre que Helena está namorando o professor de música. Jorge diz para Maria Joaquina que quer dedurar Firmino. Maria Joaquina repudia a ação do menino e diz que não irá colaborar com ele. Suzana vê a situação e influencia o menino a seguir em frente e entregar Firmino para a diretora Olívia. Jorge conta tudo para a diretora. Olívia acha inadmissível o que Firmino fez e que ele não poderia ter sido cúmplice das crianças. A diretora avisa que irá procurar um substituto para ele. Firmino fica triste e decepcionado com a demissão. Olívia diz que fará o possível para indicar uma nova escola para ele, mas que o zelador cometeu uma falha e precisa assumir as consequências. Firmino descobre que foi um aluno que o delatou, mas não sabe quem. Ele entrega as chaves do sinal e pede para que ela toque o sinal em seu lugar quando der a hora. Maria Joaquina escuta tudo e também chora. Helena vai ao quarto de Firmino e diz que nenhum aluno o delataria. Firmino diz que tem um suspeito, Jorge. Maria Joaquina descobre que Jorge delatou Firmino. Helena pergunta a Olívia se ela vai pedir a transferência de Firmino para outra escola. A diretora afirma que vai aplicar o castigo no porteiro insignificante que é Firmino. Helena tenta controlar a situação, mas Olívia pede para Helena se retirar de sua sala. Helena comenta com Renê que está preocupada com Firmino. Maria Joaquina pede para Jorge sair de sua casa, pois ele delatou Firmino. Jorge vai à casa abandonada e os garotos o rejeitam. Daniel, Cirilo e Koki vão à casa de Firmino e afirmam que vão organizar um protesto.

Resumo dos capítulos

Carrossel – Resumo dos capítulos de 26 a 30/11/2018

CARROSSEL logo

No capítulo da sexta 30/11, Suzana ironiza Helena ao contar que tem um encontro com Renê

Capítulo 78 – Segunda 26/11
Valéria conta para Davi que sua mãe quer que ela saia da banda. Jaime vai para a casa abandonada e revela para as outras crianças que o DVD não foi entregue ao SBT por uma confusão de Rafael. Suzana está inquieta para saber o que Renê tanto conversa com Firmino. Ela decide ir atrás dos dois, mas é surpreendida pela visita de Matilde na escola. Enquanto isso, Jaime diz que teve uma ideia para participarem do concurso: irem até o SBT falar pessoalmente com Celso Portiolli. As crianças pedem ajuda para Rafael, que leva eles até a emissora, porém, são barrados pela segurança por não terem autorização para entrar. Alícia finge um desmaio para que Valéria, Jaime e Maria Joaquina consigam entrar escondidos no SBT. Os três andam pelos corredores até encontrar o estúdio do Domingo Legal. Eles são confundidos com participantes de um concurso e colocados no palco do programa. Valéria desobedece Rosa, que a proíbe de participar dos ensaios da banda Carrossel. Jaime conta aos pais que foi ao SBT no programa de Celso Portiolli. Maria Joaquina afirma a Jorge que ser artista de televisão está em seu sangue. Paulo imita Silvio Santos ao brincar com Marcelina e Kokimoto, que são “convidados de seu programa”. Renê compra rosas vermelhas, Suzana aparece e ele as esconde. Suzana pede para Renê convidá-la para jantar. Helena contempla a máscara e diz a si mesma que não imaginava que Renê fosse o homem mascarado da festa. Ela não quer pensar em relacionamento. Durante o jantar, Suzana afirma a Renê que percebeu o clima entre ele e Helena. Ela pergunta para quem eram as flores. Renê leva as flores a Helena, que comenta que os dois não podem continuar com o flerte. O professor conta a Helena que revelou tudo a Suzana. Na casa abandonada, Jaime dá a notícia aos amigos que a banda Carrossel participará do concurso no Domingo Legal. Davi, Carmen e Alícia vão tentar convencer Rosa de que Valéria é importante para a banda. Renê chega e fala a Helena que ela precisa torcer pessoalmente para as crianças. Os dois decidem ir conversar com Rosa. Celso Portiolli apresenta a banda Carrossel no Domingo Legal. Maria Joaquina apresenta os integrantes da banda aos telespectadores e dedica a primeira música a Valéria, que chega ao programa com os pais. A menina fica triste ao ver que a banda já começou a se apresentar. Helena e Renê estão sentados na plateia. Ao final das apresentações, Celso Portiolli está com o resultado da banda vencedora em suas mãos. Todos estão na expectativa. Na sorveteria, Suzana diz a Renê que sente estar roubando o lugar de Helena. Renê a aconselha a conversar com Helena. Os garotos vão pedir a Rafael convencer Olívia a deixar que Helena continue como professora deles. Maria Joaquina fala sobre a Comissão de Pais a Miguel. Os alunos se reúnem na casa abandonada, pois os pais decidiram não se intrometer nas decisões de Olívia. Helena comenta com Graça sobre o projeto de alfabetização de adultos. Enquanto isso, Valéria, Adriano e Davi vão até a sala de aula, escrevem na lousa que amam Helena e colocam uma barata de Jaime no armário de Suzana. Helena e Suzana conversam na sala dos professores. Suzana acusa Helena de manipular as crianças para fazer o protesto. Suzana volta para a sala de aula, se depara com o inseto em seu armário e fica completamente em pânico. Olívia pede para que Helena e Suzana conversem em sua sala para se acertarem. Enquanto chama a atenção dos alunos pelo ocorrido, a diretora não percebe que a barata está subindo em sua roupa. Quando percebe se assusta e grita muito. As crianças dão risada e Jaime recupera sua barata de estimação. As professoras conversam, Suzana diz que vai falar para Olívia devolver o terceiro ano para Helena, mas que existe uma condição: deixar o Renê para ela. Chocada com o que acaba de ouvir, Helena não tem tempo de responder, pois a diretora entra na sala e Suzana conta a novidade. Olívia fica aliviada com o desfecho da história envolvendo o terceiro ano.

Capítulo 79 – Terça 27/11
Helena comenta com a mãe que Suzana está apaixonada por Renê e não acha justo ficar entre os dois. Cris tenta convencer Helena a lutar por Renê. Helena telefona para Valéria e pede para ela se comportar no retorna às aulas – a menina não imagina que Helena voltará a ser professora de sua turma. Helena diz a Valéria que fará uma surpresa, se ela se comportar. Jorge comenta com Maria Joaquina que fica impressionado como ela foi corrompida pelo meio em que vive. No primeiro dia de aula, Valéria decide vestir uma roupa de luto, ela não se conforma com a perda da professora Helena. Depois das férias, os alunos começam a chegar na Escola Mundial, alguns estão desanimados. Firmino e Graça dão bom dia à professora Glória. Graça comenta com Firmino sobre o acidente que a família da professora sofreu: o marido morreu no acidente e o filho… Graça conta a Glória que Suzana não aguentou a pressão e devolveu o terceiro ano a Helena. Os alunos ainda não sabem e no pátio eles gritam em coro o nome da amada professora. Eles comentam sobre a nova professora de inglês, Glória. Renê conversa com as crianças, ele está ansioso para dar sua primeira aula como professor de música. Helena senta no lado da professora de inglês, Glória, para conversar. Normalmente Glória não conversa com os professores no recreio. Mais tarde, Renê tenta conversar com Helena, que lhe trata de maneira fria. Suzana interrompe a conversa e Helena decide sair do local. Renê diz pra Suzana que Helena está tratando ele de maneira estranha. Suzana diz que a professora é desse jeito e que ele não deve ligar para ela. Firmino diz para Helena que está preocupado com Glória, que está triste e sofrendo. Helena decide falar com os alunos do terceiro ano sobre Glória. A professora pede que eles respeitem a professora de inglês, que deixem de lado os comentários maldosos a respeito de Glória e que tentem trazer alegria para a vida dela. Após a aula, Glória vai para casa e conversa com o filho Tom, que é cadeirante e iria estudar na sala de Helena, mas por medo de não fazer amizades, decidi não ir para a escola. A família Cavalieri volta da férias em Cancún. Alberto vê Jorge chamar o motorista de imbecil e decide chamar sua atenção. Alberto conta para Jorge que ele irá estudar na Escola Mundial. O menino não gosta da notícia e tenta argumentar com o pai, que se limita a dizer que a decisão está tomada e que o problema está no comportamento do filho, mas que agora tudo começará a ser colocado em seu devido lugar. Jaime monta um plano para agradar Glória e conta com a colaboração de todos os alunos do terceiro ano. Eles compram flores para a professora e entregam para ela no dia seguinte.  Alberto leva Jorge até a escola para fazer sua matrícula. Renê conta para Firmino que Helena está distante dele e que está decidido a se declarar para a professora. Suzana escuta a conversa escondida e fica brava. Alberto fala com a diretora Olívia sobre a matrícula de Jorge. A diretora pede para que chame Helena para falar com o pai do novo aluno. Suzana diz para Renê que Helena está namorando e por isso não dá bola para ele. Valéria vê que Suzana e Renê estão conversando e fala para todos na sala de aula que eles estão namorando. Alberto diz para Helena que deseja que o filho perca a arrogância e aprenda como as coisas realmente são. No pátio, Graça tenta falar com Jorge e acaba sendo vítima das grosserias do menino. Helena volta para a sala de aula e conta para seus alunos que Jorge será o novo aluno do terceiro ano. As crianças não gostam e todos, com exceção de Maria Joaquina, se negam a dar boas vindas no dia seguinte para o novo aluno. Jorge fala para os pais que está com medo de ser agredido pelos meninos no seu primeiro dia de aula. Glória conta para Tom que recebeu uma surpresa de seus novos alunos. Rosana e Alberto divergem sobre a educação de Jorge. Alberto diz que ficou distante da educação do filho, mas que agora estará mais presente. Alberto diz para Jorge que ele terá que ir para a escola a pé. O menino queria ir dirigindo seu carro amarelo. Na Escola Mundial, Cirilo vê que Jorge chegou e sai correndo contar para os meninos, que bolaram um plano. Existe um chiclete colado no pátio da escola há muito tempo e eles dizem que se trata de um chiclete amaldiçoado. Os meninos chamam Jorge até o pátio e empurram o menino, que acaba encostando no chiclete. Imediatamente todos correm e querem ficar longe de Jorge, que pegou uma maldição. Maria Joaquina explica o que acaba de acontecer para Jorge, mas até ela se afasta do amigo com medo da lenda. Renê tenta falar com Helena e mais uma vez é ignorado pela professora.

Capítulo 80 – Quarta 28/11
Helena pergunta para Jorge como foi recepcionado e o menino conta o que aconteceu. Os demais alunos entram na sala de aula e levam um bronca de Helena pela atitude, mas Jorge interrompe, diz que não liga e que prefere distância dos alunos dessa escola. Nos próximos dias, Jorge é ignorado por todos da escola em diversas situações. Jorge começa a se sentir mal com a exclusão. Suzana diz para Helena que a cada dia que passa Renê está mais apaixonado por ela. Os meninos estão jogando bola na rua e Tom aparece na janela. O menino cumprimenta Davi e Glória fecha a janela. Davi fala com os meninos sobre o ocorrido. Glória fala sobre Tom com Firmino. Matilde visita Olívia e recomenda um site de relacionamentos para que a diretora procure um namorado. Renê conta para Suzana que vai convidar Helena para ir ao teatro. Suzana não gosta de saber e começa a pensar como pode atrapalhar o convite. Durante a aula de inglês, os meninos perguntam sobre Tom para Glória, que fica muito irritada e diz que não fala da vida pessoal. Mais tarde, Helena elogia a redação de Jorge e pede para o mauricinho ler o texto para toda a sala. As meninas acham lindo o texto e pedem uma cópia para o menino, que promete levar no dia seguinte. Suzana pega o celular de Helena escondido e, se passando pela Helena, envia uma mensagem de texto para Renê pedindo que ele se afaste dela. Paulo e Jorge discutem no pátio e os dois vão parar na diretoria. Olívia faz uma notificação para os pais dos meninos. Renê fala com Firmino sobre a mensagem de texto que recebeu. Rafael pendura na oficina a matéria sobre Jaime, que se saiu como herói, e é surpreendido com a presença de Alberto. Helena pede para Rafael falar com Jaime para se aproximar de Jorge. Jaime promete a Helena que vai receber Jorge “numa boa”, caso o mauricinho vá falar com ele. Os meninos se reúnem na casa abandonada para falar sobre Jorge. Eles decidem fazer uma pergunta a Jorge, e dependendo da resposta do mauricinho, todos vão parar de ignorá-lo. Jorge conversa com Maria Joaquina no pátio, os garotos pedem para Maria Joaquina sair, pois precisam conversar com Jorge. Helena observa tudo de longe, curiosa. Os garotos perguntam a Jorge se ele acha certo ter empurrado Cirilo e ter mentido sobre a briga. Para a surpresa dos meninos, Jorge se abre, diz que não foi certo o que fez, pede desculpas e diz que quer ser amigo deles. Os meninos ficam felizes e abraçam Jorge. Helena observa a cena com satisfação. Germano chega com Rabito machucado em casa e diz a Natália que o cão deve ter sido atropelado. Natália cuida do cachorro enquanto Germano vai à escola para avisar Mário sobre o incidente. Jorge decide acompanhar Mário. O veterinário afirma que Rabito ficará bem, basta que troquem o curativo dele com frequência. Mário e Jorge voltam para a escola. Mário pede a ajuda de Helena para fazer os curativos em Rabito. A professora afirma que ajudará. Olívia grava um vídeo contando como é ser uma diretora. Ela fica radiante. Helena vai até a casa de Mário e faz o curativo em Rabito. Maria Joaquina afirma a Mário que ele deveria dar um presente a Helena. Olívia pede para Graça ficar vendo o vídeo de sua entrevista na diretoria para aumentar o número de visualizações. Mário pensa no que pode dar a Helena. Maria Joaquina e Marcelina contam para Helena que Mário está preocupado. Jaime sugere para Mário dar flores a Helena. Os dois decidem ir à casa do viúvo para roubar flores. Suzana e Renê vão jantar. O professor afirma que vai se declarar a Helena. Suzana se irrita e vai embora. Mário e Jaime saem de casa às escondidas para pegar flores.

Capítulo 81 – Quinta 29/11
Jaime e Mario entram no jardim da casa do viúvo. Jaime cai em cima de uma planta com espinhos e grita de dor. O senhor viúvo ouve o barulho e vai verificar. Os meninos cortam as flores, mas são flagrados pelo viúvo. O senhor afirma querer saber quem são os garotos antes de chamar a polícia. Jaime e Mário contam que darão as flores de presente. Os garotos revelam toda a história, o senhor afirma que se chama Lourenço. Sr. Lourenço dá uma nota de R$ 50 reais aos garotos para comprar chocolates e presentear Helena. Enquanto isso, os pais de Jaime estão preocupados com o sumiço do filho. Jaime chega em casa e leva uma bronca de Rafael. No dia seguinte, Mário presenteia Helena com uma caixa de chocolates, a professora agradece, mas afirma que um sorriso vale muito mais. Helena comenta que vai dividir o chocolate com todos da turma. Lourenço fica na dúvida sobre o que os meninos contaram. Suzana diz para Firmino e Helena que Renê gosta muito dela. Na aula de música, as crianças cantam a canção Carro-Céu. Suzana diz para Helena que está quase namorando Renê. Helena sofre sozinha e diz que se não gostasse de Renê, seria tudo mais fácil. Renê vai até o pátio falar com Helena. Ele convida a professora para jantar, ela corta ele e diz para o músico que não precisa explicar nada para ela.. Helena recebe flores, Firmino as entrega. A professora acha as flores lindas e lê o cartão para saber quem enviou o presente. Trata-se de flores enviadas por Lourenço. Suzana diz para Renê que Helena ganhou flores. O professor fica com ciúme e vai atrás de Helena. Jurandir vai até a escola buscar Jaime, pois Rafael não está passando bem. Rafael sofreu um acidente na oficina. Jaime entra em desespero e chora muito. Helena explica o que aconteceu para as crianças, Suzana e Glória. Maria Joaquina liga para o pai, que vai até o hospital ver como está Rafael. Elisa diz para Miguel que foi tudo culpa dela, pois foi fumar escondido e quando percebeu que o marido estava vindo jogou o cigarro no chão, causando uma explosão por conta do óleo e gasolina no chão da oficina. Miguel examina Rafael e diz para Elisa que ele ficará bem com repouso e medicação. Jorge volta a se desentender com os meninos. Rafael volta para casa e fica preocupado em não poder trabalhar. Eloisa diz que irá procurar um emprego para ajudar, mas Rafael diz que mulher dele não trabalha. Eloisa pensa no ajudante Jurandir para tocar a oficina, mas Rafael lembra que ele é muito atrapalhado e não entende nada de mecânica. Jaime vai até a casa abandonada e conta que seu pai está se recuperando lentamente e que ele está preocupado com a situação financeira da família, afinal, Rafael não pode fazer esforços e não pode voltar a trabalhar na mecânica. Jaime conta para os amigos que precisa arrumar um emprego para ajudar a colocar comida dentro de casa. Determinado, Jaime vai até a casa de Maria Joaquina para pedir emprego para Miguel, que lamenta não poder ajudar devido a pouca idade do menino. Jaime pede para Miguel guardar segredo sobre sua visita. O garoto decide pedir emprego como ajudante do senhor Lourenço, mas também não consegue. Chateado, Jaime conta para os meninos que não sabe mais o que fazer, pois todos dizem que ele precisa ter estudo e ser mais velho para trabalhar. Cirilo leva o amigo até a marcenaria de seu pai e pede emprego para José, que também lamenta não poder ajudar e explica que ninguém pode empregar o garoto para não cometer crime de trabalho infantil. Sem esperança, Jaime volta para a casa abandonada e conta aos amigos o que aconteceu. Valéria tem uma ideia e sugere que o amigo vá pedir ajuda a Sr. Morales. Jaime não pensa duas vezes e sai correndo para o escritório do empresário Rafael insiste que os filhos são ingratos. Jaime vai até um restaurante onde Morales está, mas é impedido de chegar perto do empresário que está num almoço de negócios. Os garçons do local tentam expulsar o garoto, que grita pelo empresário. Morales aparece e ordena que soltem o menino, pede para que sirvam um almoço especial para Jaime e diz que assim que terminar o almoço de negócios volta para conversarem. Enquanto isso, as meninas decidem ir até a casa de Glória para descobrir qual o mistério do menino que sempre aparece na janela. Chegando na rua, o garoto abre a janela e recebe convite para sair e brincar com elas. Imediatamente ele fecha a janela e fica na dúvida se sai ou não. Valéria se aproxima da casa e tenta mais uma vez. O garoto finalmente abre o portão e sai de casa, surpreendendo todas as meninas.

Capítulo 82 – Sexta 30/11
As meninas se aproximam de Tom, que confirma ser filho de Glória. Elas avistam a professora, Tom entra e elas saem correndo. Graça vai para a aula de alfabetização da professora Helena. Sr. Morales vai até o colégio conversar com a professora. O empresário fala sobre Jaime e pede a ajuda de Helena. No outro dia, os meninos saem pela vizinhança distribuindo o currículo de Jaime, que aponta itens como: herói de donzelas em perigo e cuidador de baratinhas. Rafael briga com Jaime e o coloca de castigo, preso no quarto. Jaime tenta explicar para o pai que tem um compromisso importante depois do almoço, mas não pode dizer o que é (reunião no escritório de Morales). Rafael e Eloisa pressionam o menino, que inventa uma desculpa e diz que terá uma partida de futebol importante. Rafael fica ainda mais furioso. Enquanto isso, Maria Joaquina espera Glória sair de casa para entrar na residência escondida e fazer uma proposta para Tom. Assim que entra, o menino se assusta. A patricinha convida o menino para sair e ele aceita. Morales oferece emprego de aprendiz para Jonas e decide ir até a casa de Jaime, acompanhado de Helena, para desfazer toda a confusão. Miguel vai examinar e medicar Rafael. Enquanto isso, na casa de Valéria, as meninas fazem a maior bagunça com farinha. Elas estão preparando um bolo surpresa para Laura. Rosa chega e fica brava com a sujeira que as meninas fizeram. Davi pede que Valéria volte a namorar com ele. A menina aceita. No outro dia, Valéria esconde o bolo de aniversário de Laura debaixo da carteira. Todos sabem do bolo, menos Laura. Durante a aula, Jorge dedura Bibi. O mauricinho diz que Bibi está escutando música escondida. O sinal do recreio toca. Maria Joaquina diz para Jorge que não foi legal o que ele fez. Os demais colegas de sala viram a cara para o menino. No pátio, todos cantam parabéns para Laura. Helena volta para a sala de aula e conversa com Jorge. A professora tenta explicar que ele precisa parar com o comportamento orgulhoso e de isolamento dos demais. Jorge vai para o pátio e Valéria joga bolo no rosto do menino, que fica irritado e sai correndo para o banheiro. Empolgadas, as crianças decidem fazer guerra de bolo. Graça vê toda a sujeira e fica preocupada com a faxina que terá que fazer. Jorge limpa o rosto e diz que odeia todos da escola. Paulo e Kokimoto entram escondidos no banheiro e voltam a sujar Jorge. Graça tenta despistar Olívia, pois o pátio está uma sujeira por conta da guerra de bolo. Helena chama a atenção dos alunos, porque não deviam ter jogado bolo em Jorge. Os alunos se reúnem na casa abandonada para falar sobre a festa de aniversário de Laura. Os alunos pensam em castigar Jorge por conta de sua arrogância. Maria Joaquina afirma que Jorge merece uma lição por ter mexido com a sua amiga Bibi. A patricinha propõe o castigo do silêncio ao mauricinho. Jorge conta a Helena que os alunos estão tramando um castigo contra ele, o castigo do ódio. Maria Joaquina diz que não é castigo do ódio, é o castigo do silêncio. Jorge diz aos pais que quer mudar de escola, pois seus colegas o odeiam. Jaime pede dinheiro a Sr. Morales para comprar muletas ao seu pai. Jonas e Jaime dão a Rafael um par de muletas de presente. Alberto pergunta ao filho se ele é um bom colega na escola. Jorge reconhece que não. No dia seguinte, Jorge inventa desculpa a Alberto que está com dor de estômago só para não ir à escola. Helena questiona os alunos sobre a ausência de Jorge. Helena pede para os alunos se colocarem no lugar de Jorge, pois não é fácil ser isolado pela turma inteira. Alberto vai à escola conversar com Helena. Rafael também está na escola à espera da professora. Jorge diz à mãe que não quer voltar para a Escola Mundial, e ninguém vai obrigá-lo. Helena diz a Alberto que Jorge está sofrendo com o isolamento. Alberto afirma não ter outra alternativa, a não ser transferi-lo de escola. Helena pede mais uma chance a Alberto. Helena pede a ajuda de Rafael, que promete falar com Jaime sobre Jorge. Jaime entrega a Rafael o primeiro salário de Jonas para ajudar a família. As meninas vão até a casa de Tom e o levam para brincar na rua. Tom brinca com as meninas numa praça. Ele diz que nunca se divertiu tanto, e lamenta ser deficiente. Maria Joaquina diz que único defeito que Tom tem é achar que tem um defeito. Helena diz aos alunos que é o segundo dia que Jorge falta à escola e exige uma explicação dos alunos. Graça está radiante, pois tem frequentado as aulas de alfabetização e está conseguindo ler. Helena pede para os alunos escreverem uma carta para os alunos da noite, incentivando-os à leitura. Suzana e Helena se encontram. Suzana alfineta Helena ao dizer que já deu a hora dela, pois tem um encontro marcado com Renê.

Resumo dos capítulos

Carrossel – Resumo dos capítulos de 29/10 a 02/11/2018

Carrossel 29_10 2No capítulo da sexta 02/11, Helena é recebida de volta por seus alunos

Capítulo 59 – Segunda 29/10
Rafael vai ao hospital, Miguel conta a ele que Helena está se recuperando. Os alunos decoram a Escola Mundial com cartazes e bexigas para a chegada de Helena. Suzana não gosta nada do que vê e pede para os alunos voltarem para a sala. Valéria desafia Suzana. Na sala de aula, Suzana passa exercícios aos alunos. Jaime comenta que matemática devia ser uma matéria proibida para menores de 18 anos como em alguns filmes. Suzana pede para Valéria fazer brincadeiras bem longe de sua sala. Suzana ameaça deixar os alunos de castigo na hora do recreio. Sr. Morales faz visita a Helena no hospital. Rafael e Miguel vão à Escola Mundial. Rafael se emociona ao ver a decoração da escola para a chegada de professora Helena. Firmino vai à sala e diz a Suzana que Rafael e Miguel querem conversar com ela. Rafael entra na sala e conta a todos que Helena está salva. As crianças comemoram com gritaria. Os alunos vão ao pátio agradecer Miguel por ter salvado Helena. Os alunos querem fazer visita à professora, mas Miguel diz que Helena ainda não pode. Helena comenta com a mãe que passou por um pesadelo e que voltar logo à escola. Dissimulada, Suzana afirma aos alunos que não vê a hora de Helena voltar. Paulo pergunta a Suzana por que ela está contente com a recuperação de Helena, pois assim que a professora titular voltar a substituta terá que ir embora. Suzana vai até a sala de Olívia e pergunta como ficará a sua situação quando Helena retornar. Suzana diz a Olívia que a vê como uma grande líder. Cirilo oferece uma mexerica a Maria Joaquina. Ela fala ao garoto que as mãos dele estão sujas. Carmen afirma que Maria Joaquina é extremamente maldosa com Cirilo. Desolado, Cirilo comenta com Firmino que Maria Joaquina não gosta dele por conta de sua cor. Miguel conta a Helena que os alunos foram até a casa dela para ler cartas e fazer orações. Paulo tem mais um de seus planos maldosos contra Cirilo. Ele diz a Mário que vai convencer Cirilo que um cientista europeu inventou um tônico para homens ficarem mais bonitos para as mulheres. Jaime aconselha Cirilo a esquecer Maria Joaquina, pois ela é muito fresca. Cirilo revela que não consegue porque é apaixonado pela garota.

Capítulo 60 – Terça 30/10
Cirilo ouve Paulo e Mário conversando sobre um cientista que descobriu um tônico que deixa os homens bonitos e atraentes. Cirilo pede à Paulo para ver o jornal. Paulo afirma que tem a receita do tônico embelezador, mas Cirilo precisa dar dinheiro. Graça e Firmino observam Cirilo, Paulo e Mário conversando e ficam desconfiados de que estão aprontando para cima do garoto ingênuo. Cirilo chega em casa e pede dinheiro ao pai, mas José diz que não tem. Cirilo comenta com Paulo e Mário que seu pai não deu a quantia que precisa. Ele conta que tem umas economias, vai até seu quarto pega o dinheiro e entrega aos garotos. Paulo garante a Cirilo que o tônico embelezador o deixará como um galã de novelas. Paulo e Mário vão ao mercado e compram chocolate, groselha e refrigerantes. A dupla mistura os tais ingredientes com pimenta no liquidificador. Em sua casa, Cirilo tem uma fantasia: ele está de terno e gravata e com topete. Na fantasia do garoto, Maria Joaquina diz que ele é o seu herói. Paulo e Mário entregam o tônico embelezador a Cirilo. Na casa de Maria Joaquina, Valéria, Marcelina e Laura fazem trabalho da escola. Clara chama as meninas até o jardim e ensina como plantar mudas. Maria Joaquina tem a ideia de levá-las para as professoras Suzana e Helena. Mário e Paulo contam a Koki e Davi que enganaram Cirilo. Helena está no quarto do hospital, ela sonha com seus amados alunos. Antes de dormir, Cirilo toma o tal tônico embelezador. O garoto se olha no espelho e afirma a si mesmo que vai se transformar em uma galã para conquistar o coração de Maria Joaquina.

Capítulo 61 – Quarta 31/10
Cirilo toma o tônico embelezador pela manhã. Ele se olha no espelho pra ver se mudou algo em seu rosto. No café da manhã, ele pergunta aos pais se está mudado. No caminho da escola, Cirilo encontra Paulo e Mário. Mário diz a Cirilo que ele está mais alto, mais forte e bonito. Cirilo afirma que quer que Maria Joaquina o perceba. José comenta com Paula que Cirilo anda meio estranho. Antes de entrar na sala, Suzana inspeciona a higiene das mãos dos alunos. Cirilo pergunta a Suzana se ela percebeu algo de diferente nele. Na fila, os alunos comentam que Cirilo está estranho. Na sala de aula, Cirilo vai até a carteira de Maria Joaquina e afirma que ela terá uma surpresa. Matilde diz a Olívia que ela tem que colocar um freio em Graça, pois ela é muito intrometida. Olívia diz que Matilde só quer atenção. Suzana pede para os alunos escreverem uma redação sobre como eles podem contribuir para a paz mundial. No recreio, Mário conta a Valéria que está fazendo uma brincadeira com Cirilo e pede para a menina elogiá-lo. Valéria vai até Cirilo e o elogia, ela diz que ele poderia se chamar Sr. Boniteza. Maria Joaquina afirma a Cirilo que ele está o mesmo de sempre. Cirilo pergunta a Maria Joaquina se ela não percebeu como ele está bonito como Denzel Washington. Miguel diz a Helena que ele está se recuperando rápido, mas ainda precisa fazer alguns exames. Maria Joaquina humilha Cirilo, mas Jaime chega e defende o amigo.

Capítulo 62 – Quinta 01/11
Helena retorna à Escola Mundial e vai conversar com Olívia. A diretora comenta que Suzana foi rejeitada pelos alunos, principalmente por Valéria. Firmino vai à sala de aula avisar Suzana que tem uma visita na diretoria esperando por ela. Paula vai ao quarto de Cirilo e nota que as economias do filho sumiram. José lembra que Cirilo lhe pediu dinheiro dias atrás. Na diretoria, Suzana dá de cara com Helena. Suzana se lembra da época em que as duas estudaram juntas. Quando criança, Suzana era obesa e usava óculos. Helena era uma aluna bonita e a melhor da classe. Suzana pergunta a Helena se ela se lembra dela. Firmino e Olívia deixam Helena e Suzana a sós. Suzana pergunta a Helena se ela já se recuperou do acidente. Suzana afirma que está cansada da vida de professora substituta e insinua que no futuro tudo pode acontecer. Suzana pergunta a Helena se ela sentiu falta dos alunos. Suzana e Helena vão à sala de aula. Ao ver Helena, os alunos correm para abraçá-la. Suzana fica com raiva. Helena revela aos alunos que retornará às aulas no dia seguinte. Suzana fica desconcertada. Maria Joaquina diz a Helena que as plantas em cima do armário são para ela, e foram plantadas com muito amor. Helena se despede dos alunos. Carmen comenta com os colegas que Suzana está chorando. Ao final da aula, Suzana se despede dos alunos emocionada. Eles se despedem da professora com um beijo, um a um.

Capítulo 63 – Sexta 02/11
Ao se despedirem de Suzana, os alunos se emocionam, menos Valéria, que sai da sala sem conversar com a professora substituta. Helena retorna à sala e pergunta a Suzana se ela precisa de ajuda. Helena e Suzana chegam ao pátio juntas, os alunos correm para abraçá-las. Valéria trata Suzana mal. Carmen e Marcelina vão à sala dos professores e dizem para Suzana não dar importância a Valéria. Helena pergunta a Valéria por que ela é tão ríspida com Suzana. Matilde comenta com Olívia que está feliz com o retorno de Helena. Olívia afirma que se dependesse dela continuaria com a professora Suzana. Matilde fala que Olívia tem inveja de professora Helena. A diretora diz que Matilde perdeu a noção. Helena revela a Valéria que foi colega de Suzana no colégio. A professora diz que Suzana não cometia maldades. Valéria vai conversar com Suzana, que grita com a garota. Suzana afirma à menina que não gosta dela e gosta menos ainda de Helena. Suzana faz ameaças a Valéria. Helena percebe que Valéria está diferente e pergunta à garota o que aconteceu, pois foi conversar com Suzana e voltou triste, calada. Valéria inventa a desculpa que está com dor de cabeça. Paula estranha o comportamento de Cirilo e pergunta ao filho se está tudo bem. Paula pede para José conversar com Cirilo sobre o sumiço das economias. Durante o jantar, Cirilo está sem apetite. Paula e José estranham. Helena comenta com Cris sobre a antipatia de Valéria por Suzana. Helena está desconfiada de que aconteceu algo entre Suzana e Valéria. Cirilo afirma a Mário que o tônico embelezador não fez efeito, pois continua baixo e fraco. Paula diz a José que Cirilo está deixando-a preocupada, tem algo de errado acontecendo. Helena chama Valéria para uma conversa.