More

    ‘Tesão é um negócio que você não pode julgar’


    Cauã Reymond – Crédito: Reprodução / Instagram

    Cauã Reymond abriu o jogo sobre as cenas de sexo que acontecem nas novelas e no cinema, e deu detalhes de como são feitas com outros atores. Ele afirmou que existe beijo técnico, mas que, nas cenas mais picantes, os artistas utilizam tapa-sexo, até mesmo para dar uma sensação de realidade, que deixa os fãs boquiabertos quando acontecem.

    Nesse sentido, durante sua participação ao podcast PodPah, o galã revelou curiosidades sobre as cenas e acordos que são feitos entre os parceiros no meio artístico. “Hoje em dia não existe mais coisa de improviso. A gente está vivendo um momento muito interessante na dramaturgia, onde tudo tem que ser conversado. (…) Têm casais que combinam beijar de língua. Acho que essa conversa é difícil de ter, acho que mais para o final da novela, se estiverem solteiros e tal, pode acontecer”, contou ele.

    Cauã também falou que já contracenou com homem e mulher e cenas de sexo. “Com mulher, com homem… Tem de tudo, você usa o tapa-sexo. Eu nunca gostei da sensação que fica, então eu tento só usar o tape (fita) e é isso. Mas também já fiz sem. (…) Tesão é um negócio que você não pode julgar. O lado erótico de cada um deve ser abraçado, contanto que todo mundo esteja de acordo”, completou ele.

    Cauã afirma que o respeito entre os atores é essencial para executar as cenas

    O esposo de Mariana Goldfarb reforçou a ideia de que a conversa entre os atores é primordial para que as cenas aconteçam de maneira respeitosa.

    “Quando você é mais jovem, é muito mais difícil essa conversa, mas quando você vai pegando experiência, você conversa com seu parceiro ou sua parceira (de cena), você fala: ‘E aí, como é que vai ser? O que você está pensando? Se incomoda de eu passar a mão aqui?’. E o diretor… É todo mundo junto. Você vai conversando, entendeu?”, afirmou ele.

    Por fim, concluiu: “Cada vez mais, é tudo uma conversa, não tem mais muito ‘free style’. Pode acontecer? Pode, mas tem que estar todo mundo de acordo. E é feito todo um ‘passo-a-passo’, porque vocês veem tudo (em uma sequência), mas (na gravação) muda a câmera, muda o ângulo, muda a luz, traz pra cá, ‘cadê o roupão da atriz?’, aí você fica lá esperando”.

    Em seguida, confira o podcast na íntegra:

    Últimas